Djonga

coloca 'fogo nos
racistas' em festival

Protesto no palco

No último sábado (18), o rapper mineiro Djonga surpreendeu ao ilustrar, de modo literal, um verso de música no Festival 2K22, que reuniu talentos de rap e trap do Brasil e do mundo em São Paulo

Contra o racismo

Na música em questão, 'Olho de Tigre', Djonga canta em protesto ao racismo cotidiano, ao machismo, à violência policial e à desigualdade

Fogo

No refrão, o rapper canta: 'Sensação, sensacional / Firma, firma, firma / Fogo nos racista'. Para o festival, Djonga preparou uma performance com um ator interpretando um racista em chamas - literalmente

'Nós que é bom'

Djonga compartilhou fotos da apresentação em seu perfil no Instagram, onde escreveu: 'nós
que é bom'.

Histórico

O rapper mineiro não é estranho a protestos no palco. Em março, Djonga descumpriu a ordem de não manifestar-se politicamente durante apresentações no Lollapalooza e xingou o presidente Jair Bolsonaro 13 vezes

Confira aqui os detalhes da performance de Djonga em São Paulo

Saiba mais

CLIQUE AQUI

Créditos: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM
Texto: DUDU VALLE
Edição: Gustavo Correia
Supervisão: Vitor Balciunas

CLIQUE AQUI