eram realmente amigos?

Elvis Presley e B.B King

Filme biográfico

A cinebiografia de Elvis Presley mostra a ascensão do cantor à fama e seu relacionamento complexo com o empresário coronel Tom Parker

Real x Ficção

Na produção, o Rei do Rock é visto inúmeras vezes ao lado de B.B King, mas especialistas dizem que a amizade não passa de atuação.

Encontro nas telonas

No filme, as cenas mostram que Elvis conhece B.B King na Beale Street, rua conhecida por ser ponto de encontro de grandes artistas do blues e jazz.

Grandes amigos

O longa-metragem deixa claro que os músicos não seriam apenas amigos, mas confidentes, e B.B King seria uma das únicas pessoas a ser honesta com Presley.

Colegas na vida real

Apesar de frequentarem os mesmos ambientes, com respeito mútuo pelo trabalho um do outro, ambos não passavam de colegas licenciados pela Sun Records.

1996: Charlie Rose

B.B King contou em uma entrevista com o jornalista Charlie Rose que Elvis teria assistido algumas vezes as gravações do cantor de blues, mas nunca chegou a questioná-lo o porquê.

Nada profundo

Na conversa com Charlie Rose, elogiou o trabalho do colega, mas não houve menção sobre uma profunda amizade.

2010: San Antonio Examiner

Anos depois, King comentou sobre a afinidade que sentiu com Presley por ambos terem as mesmas influências musicais e terem ‘nascidos pobres no Missisippi’.

Admiração mútua

Com os comentários controversos da relação entre Elvis Presley e B.B King, não fica claro se os artistas tiveram um laço estreito de fidelidade e confiança, assim como é mostrado na produção.

Elvis (2022)

Mais detalhes sobre a trajetória de Elvis Presley e sua relação com black music foram exibidos na cinebiografia de Baz Luhrmann.

Elvis Presley e B.B King eram realmente amigos?

LEIA MAIS!

CLIQUE AQUI

Créditos: Reprodução / Sun Records
Texto: Emanuela Lemes
Edição: caroline duarte
Supervisão: Vitor Balciunas

CLIQUE AQUI