Elvis Presley

'não era racista de forma alguma,'
afirma Priscilla Presley

Defendeu

Priscilla Presley, ex-esposa de Elvis Presley, afirmou como o Rei do Rock "não era racista de forma alguma" ao falar sobre cultura do cancelamento.

A cinebiografia

No Piers Morgan Uncensored, da TalkTV, Priscilla também falou sobre Elvis, cinebiografia do cantor dirigida por Baz Luhrmann que conta com Austin Butler no papel do astro do rock and roll.

Questionada

Em determinado momento da conversa, Priscilla foi questionada se haveria "uma campanha para tentar cancelar [Elvis] por declarações inapropriadas, comportamento inapropriado [ou] letras inapropriadas."

O que ela disse?

"Ele não era racista – ele nunca foi racista," explicou Priscilla. "Elvis tinha amigos, amigos negros, amigos de todas as partes. Ele amava a música deles. Ele adorava o estilo deles. Ele adorava estar por perto, você sabe, de músicos negros."

Não parou aí

Ela ainda citou amizades do ex-marido com artistas negros como Fats Domino e Sammy Davis Jr., além de alegar como "sempre entravam no camarim" quando Elvis Presley fazia shows em Las Vegas.

Bateu o martelo

“Ele simplesmente não era preconceituoso de forma alguma, e não era racista de forma alguma.”

Polêmicas de Elvis com racismo

O cantor foi criticado por diversos artistas negros nos últimos anos. Por exemplo, o lendário produtor Quincy Jones afirmou como "Elvis Presley era racista, eu nunca trabalharia com ele" em maio de 2021.

Elvis Presley
'não era racista de forma alguma,'
afirma Priscilla Presley

LEIA MAIS!

CLIQUE AQUI

Créditos: Divulgação
Texto: Redação
Edição: caroline duarte
Supervisão: Vitor Balciunas

CLIQUE AQUI